Prova de conhecimentos gerais

Orientações gerais:

  • Dentre as 9 questões abaixo, escolha 5 para responder;
  • A folha de resposta deve ser identificada com o CPF do candidato(a);
  • Ao final da prova o candidato(a) deverá permanecer on-line com a câmera ligada e enviar as folhas respostas em um único arquivo pdf para o email (ppgsat@uesc.br).

QUESTÃO 1

A imagem abaixo (McCauley et al, 2018) ilustra dois padrões de distribuição de biomassa para comunidades de peixes de recife de coral: a) ambientes que apresentam menor biomassa nos níveis tróficos mais baixos e maior biomassa nos níveis tróficos mais altos, caracterizando uma pirâmide trófica invertida; b) modelo clássico de pirâmide trófica, apresentando maior biomassa no nível trófico mais baixo e um decréscimo de biomassa à medida que sobe o nível trófico. Predadores (ou seja, piscívoros; azul), consumidores secundários (ou seja, onívoros, invertívoros bentônicos e planctívoros; amarelo) e herbívoros/detritívoros (verde). Baseado nos fundamentos de energética, dinâmica trófica e padrões de predação e a potencial influência de ações antropogênicas, discorra sobre os possíveis mecanismos por trás dos padrões de distribuição de biomassa observados.

QUESTÃO 2

A figura abaixo ilustra a padrão de riqueza de peixes de recife, gastrópodes e algas marinhas em diversas ilhas do Oceano Atlântico. Baseando-se na figura, construa um gráfico que ilustre o modelo teórico por trás do padrão de riqueza observado. Explique o modelo e a teoria.

QUESTÃO 3

A luz é um fator essencial para os organismos fotossintetizantes. Embora alguns representantes algais sejam adaptados a condições de baixa luminosidade, grande parte deles necessita se manter nas camadas superiores dos ambientes aquáticos para realizar suas atividades fotossintéticas. Entretanto, a densidade da maioria das espécies fitoplanctônicas é superior à da água (1,01 a 1,05, podendo haver espécies superiores a 2), o que dificulta a manutenção desses organismos nas camadas superiores. Assim, muitas espécies de algas e cianobactérias possuem estruturas especializadas que auxiliam na flutuação. Descreva as principais adaptações do fitoplâncton quanto a flutuação.

QUESTÃO 4

Em Limnologia, os compartimentos de um ecossistema lacustre são classificados tradicionalmente em região litorânea (ripária), região limnética (pelágica), região bentônica e interface água-ar. Descreva as principais características desses compartimentos e os tipos de comunidades geralmente encontrados neles.

QUESTÃO 5

Considerando a notícia abaixo.

Responda:

a) Quais são os principais fatores antrópicos que contribuem para esses acontecimentos nos ecossistemas aquáticos e que fenômeno esse processo pode acarretar aos ecossistemas aquáticos.

b) Comente sobre os impactos sobre a biodiversidade.

Questão 6

Defina os conceitos de controle “bottom-up” e “top-down” e dê exemplo de ambos em um sistema aquático.

Questão 7

Considere os gráficos abaixo relativos a experimentos com diatomáceas cultivadas isoladamente e juntas. Explique o comportamento das densidades populacionais e concentração de silicato em cada caso e as relações ecológicas envolvidas.

Questão 8

Perturbações podem ser definidas como eventos bióticos ou abióticos capazes de alterar ou destruir recursos espaciais ou alimentares, afetando organismos, populações ou comunidades como um todo.

Estudos sobre a recolonização de sedimentos nos quais toda a macrofauna foi eliminada podem fornecer informações sobre a mobilidade dos organismos através do substrato, auxiliar no entendimento de aspectos do recrutamento larval de invertebrados bênticos e dos processos de sucessão ecológica nestes ambientes.

Para avaliar experimentalmente a resposta do macrofauna bêntica às perturbações de origem biológica do sedimento em uma planície intertidal não vegetada foi delineado um experimento que permitiu o acompanhamento de uma área perturbada e uma área controle ao longo de onze momentos distintos. O planejamento experimental procurou avaliar a sucessão após a simulação de um evento perturbador.  São apresentados os gráficos obtidos para três espécies distintas. Com base neles discuta as diferentes respostas à perturbação.

Questão 9

O uso de métodos experimentais, que manipulam o meio, tem contribuído para a compreensão dos padrões de distribuição espacial e temporal de organismos. A aplicação destes deve procurar minimizar as modificações ambientais causadas pelos artefatos experimentais eventualmente utilizados para avaliar possíveis efeitos dos mesmos sobre variáveis bióticas ou abióticas.

Delineie um experimento que permita avaliar qual o grau de interação entre duas espécies que ocupem uma mesma área ou volume.

Rolar para o topo